Notícias

Novo CINE PE acontece em formato multiplataforma

Neste estranho ano de 2020, que parece que não passou e onde tantos eventos tiveram que se reinventar o NOVO CINE PE – Festival do Audiovisual também teve que se readaptar e será um pouco diferente. Prevista inicialmente para o mês de maio, sua 24ª edição acontece de 23 a 25 de novembro e será transmitida pelos Canal Brasil e plataforma de streaming Canais Globo (antigo Canal Brasil Play), além da TV Pernambuco, uma vez que ainda não é recomendável a realização de eventos presenciais de grande porte. O formato multiplataforma vai possibilitar que mais pessoas possam ter acesso ao conteúdo do festival, democratizando ainda mais o acesso ao cinema.

O horário nobre do Canal Brasil será ocupada pelos longas-metragens selecionados para a mostra competitiva do NOVO CINE PE 2020, sendo dois por noite, a partir das 18h, com exibição simultânea no streaming Canais Globo. Já os 31 curtas escolhidos para as mostras competitivas de curtas-metragens Nacional e Pernambuco ficarão disponíveis online, para assinantes da plataforma Canais Globo, durante os três dias de festival, o que vai possibilitar que os cinéfilos assistam aos títulos nos horários que lhes forem convenientes. As mostras competitivas de curtas ainda serão exibidas na TV Pernambuco, em data a ser definida.

A ideia dos curadores Edu Fernandes e Nayara Reynaud para a edição 2020 foi compor um retrato o mais diverso possível da produção nacional de cinema, com filmes das cinco regiões do país. De acordo com Edu, “o público pode esperar, de alguma forma, se ver na tela. Os temas e abordagens dos filmes da seleção dialogam com diversos assuntos da pauta que a sociedade vem discutindo”. Segundo ele, foi observada a paridade de gênero, “nem foi algo que determinamos no começo do processo de curadoria, acabou acontecendo assim e considero mais um aspecto a se comemorar nesta edição do festival”.

Mulher Oceano, selecionado do Novo Cine PE
Mulher Oceano, de Djin Sganzerla

Confira a lista completa de filmes selecionados do NOVO CINE PE:

LONGAS-METRAGEM

O Buscador (RJ), de Bernardo Barreto
Mudança (RS), de Fabiano de Souza
Mulher Oceano (SP), de Djin Sganzerla
Nós, Que Ficamos (PE), de Eduardo Monteiro
Memórias Afro-Atlânticas (BA), de Gabriela Barreto
Ioiô de Iaiá (RJ), de Paula Braun

CURTAS-METRAGENS NACIONAIS

Manaus Hot City (AM), de Rafael Ramos
Vai Melhorar (RN), de Pedro Fiuza
Ex-Humanos (PE) – Ficção – 17’, de Mariana Porto
Eu.tempo (PE), de Thaíse Moura
Vigia – Um Olhar Para a Morte (BA), de Victor Marinho
Ta Foda (RS), de Aline Golart, Denis Souza, Fernanda Maciel, Icaro Castello, Ligia Torres e Victoria Sugar
O Homem das Gavetas (SP), de Duda Rodrigues
Neguinho (RJ), de Marçal Vianna
O Sentinela da Frágil Fortaleza (CE), de Alexandre Vale

Céu da Boca, selecionado para o Cine PE
Céu da Boca, de Amanda Treze

“Taoquei?” (BA), de Klaus Hastenreiter, Chris Mariani e Clara Ballena
Cidade Natal (SP), de Ana Luísa Mariquito
A Casa e o Medo (SP), de Eduardo Aliberti, Henrique Truffi e Valentina Salvestrini
Duda (PR), de Eugenia Castello e William Biagioli
O Que Pode um Corpo? (RS), de Victor Di Marco e Márcio Picoli
“Baixas Lendas da Classe Média Alta I:Janaína-sem-cabeça”(MG), de Bruna Schelb Corrêa
Metroréquiem (PE), de Adalberto Oliveira
Estação Aquarius (AL), de Fernando Brandão, Flávia Correia, Jairis Meldrado, Levy Paz, Rayane Góes e Ticiane Simões
Céu da Boca (SP), de Amanda Treze
Celular (PE), de André Pinto e Henrique Spencer
Reagente (RJ), de Paulo Copioba
Fragile (MG), de Ramon Faria
Bonde (SP), de Asaph Luccas
Cronofobia (GO), de Luis Calil

O Que Pode um Corpo?, selecionado para o Cine PE
O Que pode um corpo?, de Victor Di Marco e Márcio Picoli

CURTAS-METRAGENS PERNAMBUCOS

O Menino Que Morava no Som, de Felipe Soares
Presente de Deus, de Daniel Barros
Nimbus, de Marcos Buccini
Mata, de Coletivo Documentando | Marlom Meirelles
Cozinheiras de Terreiro, de Tauana Uchôa
O Quarto Negro, de Carlos Kamara
O Mundo de Clara, de Ayodê França,
Perdidos, de Eduardo Santos e Renata Malta

Para mais informações acesse o site do NOVO CINE PE

Redação

O Cenas de Cinema é um veículo informal e divertido que tem como principal objetivo divulgar a sétima arte, com críticas, notícias, listas e matérias especiais
Botão Voltar ao topo