Festivais e mostras

Slow Filme chega a Brasília

Pela primeira vez em sua história, o Slow Filme – Festival Internacional de Cinema e Alimentação chega a Brasília. Esta é a 10ª edição do evento, que desde 2010 acontecia na pequena cidade de Pirenópolis (GO), a 150 km da capital, sempre promovendo o encontro entre o cinema e o melhor da gastronomia mundial, com foco na sustentabilidade.

O festival, que acontece de 1º a 4 de agosto no Cine Brasília e no Centro Cultural Renato Russo 508 sul, é o único com seu perfil no Brasil. Sob a curadoria do crítico de cinema e professor Sérgio Moriconi, oferece uma programação de qualidade, em concordância com os princípios do movimento Slow Food, que prega o retorno à tradição alimentar, o respeito à identidade dos povos, o uso de ingredientes produzidos localmente, de forma limpa para a natureza e justa para com os produtores.

Slow Filme: I Villani
I villani, de Daniele De Michele

Na noite de abertura, será exibido o famoso “Slow Food Story”, documentário de Stefano Sardo lançado em 1974, que conta as origens do movimento que revolucionou a gastronomia no mundo. A exibição será acompanhada de uma apresentação da atuação do Slow Food Cerrado.

Nesta primeira vez em Brasília, o festival traz ao principal cinema de rua da cidade 23 filmes, além de palestras, lançamentos de livros e uma feira de produtos locais que ficará montada durante os quatro dias do evento. O Espaço Cultural Renato Russo 508 Sul também receberá o festival, com exibições seguidas de debates, workshops e um passeio para reconhecimento de PANCs – Plantas Alimentícias Não-Convencionais, quando os espectadores serão convidados a andar a pé pelas quadras da asa sul para descobrir que muitas plantas consideradas “mato” são, na verdade, comestíveis.

Slow FIlme: Na Trilha de Gastón
Na Trilha de Gastón, de Patricia Perez

Confira a programação do10º Slow Filme:

CINE BRASÍLIA

QUINTA-FEIRA, DIA 1º DE AGOSTO
17h30 – Apresentação do Slow Food Cerrado pelos facilitadores Thaíssa Aragão (líder do Convivium Slow Food Cerrado) e Jean Marconi (ativista, Slow Food – Região Centro-Oeste)
18h00 – Slow Food Story, de Stefano Sardo | Itália, 2013, 74 min
20h00 – Sessão Especial de abertura com lançamento da série Alma D’Chef – do cineasta Ronaldo Duque. Homenagem ao cozinheiro Juan Pratginestós
20h30 – Histórias da Comida Cubana (Cuban Food Stories), de Asori Soto | EUA, 2018, 82min

SEXTA-FEIRA, DIA 02 DE AGOSTO
16h00 – Meridiano do Vinho (Ghvinis Nulovani Meridiani), de Nana Jorjadze | Geórgia, 2016, 60min
(Após a sessão, a sommelier Patrícia Amada estará no foyer do cinema, para conversar sobre vinhos georgianos. Também serão disponibilizados para a compra os rótulos Tbilisi Tinto 2017 e Saperavi Tinto 2016)
17h30 – Na Trilha de Gastón (Buscando a Gastón), de Patricia Perez | Peru, 2014, 75 min
19h00 – O Império do Ouro Vermelho (L’empire de l’orrouge), de Jean-Baptiste Mallet e Xavier Deleu | França, 2017, 54min
20h30 – Homenagem a Liana Sabo (responsável pela coluna Favas Contadas do Correio Braziliense)
20h45 – Senhor Maionese (Monsieur Mayonnaise), de Trevor Graham | Austrália, 2016, 95min

Slow Filme: Meridiano do Vinho
Meridiano do VInho, de Nana Jorjadze

SÁBADO, DIA 03 DE AGOSTO
11h00 – Dois tomates e dois destinos (Dos tomates y dos destinos), de VSF – Veterinários sin Fronteras | Espanha, 2012, 9min + Comer o quê?, de Leonardo Brant, com a colaboração de Caio Amon, Graziela Mantoanelli | Brasil, 2015, 60min
15h00 – Jaén – Virgen & Extra, de José Luis Lopez-Linares | Espanha, 2018, 90min
17h00 – Faça Homus, não faça Guerra (Make Hummus Not War), de Trevor Graham | Austrália, 2012, 77min
18h30 – I Villani, de Daniele De Michele | Itália, 2018, 83min
20h30 – O chef errante (The Wandering Chef), de Hye-Ryoung Park | Coreia do Sul, 2018, 85min

DOMINGO, DIA 04 DE AGOSTO
10h30 – O Sabor do Desperdício (Taste the waste), de Valentin Thurn | Alemanha, 2011, Cor, 88 min, Documentário
(Após a sessão, conversa com Paulo Mello, chef, permacultor, empresário e fundador do Instituto Ecozinha)
15h30 – Quando a Itália comia em preto e branco (Quando L’italia mangiava in bianco e nero), de Andrea Gropplero di Troppenburg | Itália, 2015, 20min + O Retorno  (Il ritorno), de Roberto Rabitti | Itália, 2011, 12 min
16h30 – Retrato de um Jardim (Portrait of a Garden), de Rosie Stapel | Holanda, 98min
18h30 – Lançamento do registro audiovisual, com a presença dos chefs, do projeto Cerrado no Prato – Expedição Kalungas – Vão das Almas/GO (3’) + História da Alimentação no Brasil, de Eugenio Puppo | Brasil, 2017, 112min
(Após a exibição, degustação da tradicional paçoca de gergelim, produzida pela comunidade)
21h00 – A Mentira Verde (The Green Lie), de Werner Boote | Áustria, 2018, 97min

A Mentira Verde
A Mentira Verde, de Werner Boote

ATIVIDADES PARALELAS E FORMATIVAS

Quinta, dia 31 de julho, 10h, Cine Brasília
Exibição do filme O Sabor do Desperdício para jovens de escolas públicas do projeto ‘A Escola vai ao cinema’, seguida de conversa com Paulo Mello, fundador do Instituto Ecozinha sobre o tema “A revolucionária cozinha de baixo carbono”.

Sexta, dia 02 de agosto, 10h, Espaço Cultural Renato Russo, ENTRADA FRANCA
Exibição do filme O Roundup Face aos seus Juízes, de Marie-Monique Robin | França/Suíça/Bélgica, 2017, 96min
Após a exibição, debate com a presença de Sofia Carvalho, agricultora e membro da campanha permanente contra os agrotóxicos e a favor da vida, de Thaíssa Aragão, líder do Convívio Slow Food Cerrado (movimento do qual participa há 12 anos) e criadora do projeto ‘Cerrado todo dia’, que incentiva o conhecimento e uso do cerrado, em ações e pesquisas junto a faculdades de Brasília e do engenheiro florestal e proprietário da fazenda Malunga, Joe Valle.

Sábado, 03 de agosto, 10h, Espaço Cultural Renato Russo
Quadra Comestível – Conhecendo Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANC) em Brasília
Oficina, percurso e degustação de PANCS, com a nutricionista e pesquisadora alimentar Bruna de Oliveira
Número limitado: 25 pessoas
Inscrições gratuitas: até 1º de agosto. Formulário de inscrição disponível no link: https://bit.ly/2XhotHx

Slow Filme: O Império do Ouro Vermelho
O Império do Ouro Vermelho, de Jean-Baptiste Mallet e Xavier Deleu

18h00, Cine Brasília
Lançamento dos dois volumes do livro “Frutos e Sementes do Cerrado”, de Marcelo Kuhlmann

Domingo, 4 de agosto, 9h00, Jardim Botânico de Brasília
Percurso de reconhecimento de frutos e plantas do cerrado com o biólogo e doutor em Botânica pela UnB Marcelo Kuhlmann
Número limitado: 30 pessoas
Atividade gratuita
Horário de chegada: 9h15
Local de encontro: Casa de Chá, ao lado do orquidário
Inscrições gratuitas: até 1º de agosto. Formulário de inscrição disponível no link: https://bit.ly/2XhotHx

De 1º a 4 de agosto, na lateral sul do Cine Brasília
Feirinha de produtos locais e orgânicos – Somos
Local: Cine Brasília (entrada lateral sul)
De 1º – a partir das 17h00
De 2 a 4 – das 14h30 às 22h
Organização: Pé de Lima
Responsável: Gracilene Bessa
Venda de geleias orgânicas, cervejas artesanais, queijos, PANCs, temperos, molhos, pães e outras delícias

O 10º SLOW FILME conta com patrocínio do BRB e apoio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Distrito Federal, do Espaço Cultural Renato Russo 508 Sul, das embaixadas da Itália, Austrália, República da Geórgia, Áustria, França, Espanha e Peru, Instituto Francês, Instituto Cervantes, Slow Food Cerrado, Instituto Ecozinha e Instituto Federal de Educação.

SERVIÇO
10º Slow Filme – Festival Internacional de Cinema e Alimentação
De 1º a 4 de agosto de 2019
Local: Cine Brasília e Espaço Cultural Renato Russo 508 Sul
ENTRADA FRANCA
Informações: (61) 3443.8891

Redação

O Cenas de Cinema é um veículo informal e divertido que tem como principal objetivo divulgar a sétima arte, com críticas, notícias, listas e matérias especiais
Botão Voltar ao topo
Fechar