Crítica | FestivalMostra SPnotas

Rio de Ouro

36ª MostraFaroeste
Direção: Pablo Aldrete
Elenco: Gonzalo Lebrija, Stephanie Sigman, Kenny Johnston, Deshava Apachee, Chesley Wilson, Karl Makinen, Hernán Vera, Pedro del Cid
Roteiro: Pablo Aldrete
Duração: 96 min.
Nota: 4 ★★★★☆☆☆☆☆☆
(Río de Oro, MEX, 2010)

Em meio ao conflito entre índios, mexicanos e norte-americanos, um nativo rebela-se e tenta reaver as terras tomadas de suas tribos, uma jovem busca sobreviver depois do assassinato de sua família, dois soldados americanos buscam ouro depois da aniquilação de seu pelotão e um pastor tenta vender o seu rebanho de ovelhas.

Filmado em locações belíssimas, este faroeste mexicano acaba perdendo-se em sua multiplicidade de focos e resultando em um filme onde tudo parece estar fora de lugar. Os primeiros minutos do longa, com uma bem pensada execução sumária, são até interessantes e geram uma expectativa que acaba frustrada justamente pelo roteiro mal acabado.

Com atuações fracas e perdido em suas muitas histórias, o filme só começa a fazer algum sentido ao se aproximar do final, mas mesmo assim perde-se em delírios visuais que provocam na plateia reações bem diferentes da esperada.

Um Grande Momento

A primeira cena de execução.

Links

IMDb [youtube]http://www.youtube.com/watch?v=EjjOu_Bcdm8[/youtube]

Cecilia Barroso

Cecilia Barroso é jornalista cultural e crítica de cinema. Mãe do Digo e da Dani, essa tricolor das Laranjeiras convive desde muito cedo com a sétima arte, e tem influências, familiares ou não, dos mais diversos gêneros e escolas. Faz parte da Abraccine – Associação Brasileira de Críticos de Cinema e das Elviras – Coletivo de Mulheres Críticas de Cinema.
Botão Voltar ao topo