Foram conhecidos hoje (17), os vencedores do 6º BIFF – Brasília International Film Festival. Culpa, de Gustav Möller, foi escolhido o melhor filme de ficção nesta edição. O longa acompanha um policial em uma noite de atendimento na central de emergência da polícia e conquistou o público e o júri desta edição do BIFF.

Na categoria documentário, o escolhido foi O Silêncio dos Outros, de Almudena Carracedo e Robert Bahar. O filme, outra unanimidade entre que o viu, busca o que ficou da ditadura franquista na Espanha. Além de ser o escolhido pelo júri popular, o longa também ficou com o Troféu da Crítica José Carlos Avellar.

A boa notícia é que os dois filmes serão reprisados e podem ser vistos amanhã no Cine Brasília. O Silêncio dos Outros será exibido às 18h30. Em seguida, às 20h30, será a vez de Culpa.