NotíciasOscar

Tropa de Elite 2 representa o Brasil no Oscar

Como esperado, Tropa de Elite 2 foi o filme escolhido pela Comissão Especial de Seleção para representar o Brasil na pré-seleção do Oscar de filme estrangeiro.

Dirigido por José Padilha e com Wagner Moura, Irandhir Santos e Milhem Cortaz no elenco, o filme continua a história do Capitão Nascimento, agora em um cargo burocrata da Secretaria de Segurança do Rio de Janeiro, e sua tentativa de compreender e relacionar a violência e o Brasil corrupto onde vivemos.

Entre os representantes de cada país, a Academia de Artes e Ciências Cinematográfica americana escolherá cinco títulos que concorrerão ao prêmio de Melhor Filme Estrangeiro, O grande vencedor será anunciado na cerimônia do Oscar, que acontece no dia 26 de fevereiro de 2012.

Confira os 16 títulos já escolhidos por seus países que competem por uma das cinco vagas com Tropa de Elite 2:

Alemanha: Pina, de Win Wenders
Áustria: Atmen, de Karl Markovics
Coreia do Sul: Go-Ji-Jeon (The Front Line), de Jang Hun
Finlândia: La Havre, de Aki Kaurismaki
Grécia: Attenberg, de Athina Rachel Tsangar
Holanda: Sonny Boy, de Maria Peters
Hungria: A Ló Torinói (O Cavalo de Turim), de Bela Tarr
Marrocos: Omar Ma´ tuer (Omar Killed Me), de Roschidy Zem
Noruega: Sykt Lykkelig (Happy, Happy), de Anne Sewitsky
Polônia: In Darkness, de Agnieszka Holland
Portugal: José & Pilar, de Miguel Gonçalves Mendes
Romênia: Morgen, de Marian Crisan
Sérvia: Montevidéu: bog te video – Prica Prva, de Dragan Bjelogrlic
Suécia: Svynalängorna, de Pernilla August
Taiwan: Warriors of the Rainbow: seeddiq Bale, de Wei Tse-shen
Turquia: Bixr Zamanlar Anadolu´da (Once Upon a Time in Anatolia), de Nuri Bilge Ceylan
Venezuela: El rumor de las Piedras, de Alejandro Belame Palacios

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=gsZP9ZX3fsI[/youtube]

Cecilia Barroso

Cecilia Barroso é jornalista cultural e crítica de cinema. Mãe do Digo e da Dani, essa tricolor das Laranjeiras convive desde muito cedo com a sétima arte, e tem influências, familiares ou não, dos mais diversos gêneros e escolas. Faz parte da Abraccine – Associação Brasileira de Críticos de Cinema e das Elviras – Coletivo de Mulheres Críticas de Cinema.
Botão Voltar ao topo