estanteFIC Brasília

O Silêncio de Lorna

Indicado(Le silence de Lorna, BEL/FRA/ITA/ALE, 2008)

Drama

Direção: Jean-Pierre Dardenne, Luc Dardenne

Elenco: Arta Dobroshi, Jérémie Renier, Fabrizio Rongione, Alban Ukaj, Morgan Marinne

Roteiro: Jean-Pierre Dardenne, Luc Dardenne

Duração: 105 min.

Minha nota: 9/10

Uma imigrante albanesa, Lorna, se casa com o drogado Claudy. Para ela, o casamento de aparência traria a cidadania belga e para ele, dinheiro para sustentar o vício. Mas os dois acabam se envolvendo emocionalmente e, assim, podem estragar os planos do “agenciador” do casamento, que espera que ele morra de overdose para Lorna casar novamente, desta vez com um russo, também trocando a cidadania por dinheiro.

Trazendo à tona um tema recorrente na Europa atual, a imigração, os irmãos Dardenne criam um ambiente mudo e dolorido e oferecem ao espectador uma viagem que não dura apenas o tempo da projeção. Os pensamentos continuam trabalhando até muito tempo depois.

Como sempre, na trilha do cinema naturalista, com atuações simples, sem trilha sonora e seqüências do dia-a-dia, a história de Lorna tem um tom real e toca fundo.

A atriz albanesa Arta Dobroshi, veterana no teatro, dá vida à contida e passiva Lorna. Jérémie Renier é o desesperado Claudy e o triste casal acaba conquistando quem assiste ao filme.

No geral, o longa lembra, em alguns aspectos, os anteriores da dupla de irmãos belga e, como era de se esperar, é imperdível!

Maravilhoso!

Um Grande Momento

Claudy não vai comprar heroína.



Prêmios e indicações
(as categorias premiadas estão em negrito)

Cannes: Palma de Ouro, Roteiro

Links

Imdb



FIC Brasília 2008

Cecilia Barroso

Cecilia Barroso é jornalista cultural e crítica de cinema. Mãe do Digo e da Dani, essa tricolor das Laranjeiras convive desde muito cedo com a sétima arte, e tem influências, familiares ou não, dos mais diversos gêneros e escolas. Faz parte da Abraccine – Associação Brasileira de Críticos de Cinema e das Elviras – Coletivo de Mulheres Críticas de Cinema.

Um Comentário

  1. Oi, gente!!!

    Kau – Ele é maravilhoso e acho que não tem como não gostar!

    Vinícius – Eles são muito bons mesmo! E bem fiéis ao estilo!

    Wallace – Eu também tenho que ver Rosetta. Já está na lista!

    Vivi – Com esse nome novo eu ia demorar para descobrir que era você. O filme é mesmo demais!

    Bruna – Adorei a indicação do meu blog. Fiquei muito feliz mesmo! E a maratona foi mesmo maravilhosa! Ano que vem tem mais!

    Sérgio – É muito bom mesmo…

    Gustavo – Isso é um saco, né? Aqui em Brasília ainda chega mais, mas ainda assim não é Sampa ou Rio.

    Beijocas

  2. Esse filme dos irmãos Dardenne teve destaque em festivais e nas críticas, muito bem recomendado. Sem dúvida o pegarei quando sair em DVD (filme desse tipo dificilmente entra em cartaz em cidades pequenas).

    Cumps.

  3. Não tinha muito conhecimento deste filme, parece ser ótimo realmente…

  4. Gostei bastante do filme, pena que a maratona tem me deixado cansada e dorminhoca durante algumas exibições. .. :(

    Tem algo para você no Esse é bom. Depois confira, tá?

    Beijão.

  5. cecilia, eu li algumas vezes sobre este filme e parece ser notavel!
    bjokass

  6. Aguardo com ansiedade esse filme. Só vi A Criança dos Dardenne, mas gostei muito, e desde então esperava com curiosidade o próximo filme dos irmãos. E espero assistir a outros trabalhos deles, como O Filho e Rosetta …

  7. Gosto muito do cinema dos Dardenne e adorei seus comentários a respeito de “O Silêncio de Lorna”, certamente um dos mais aguardados por mim.

  8. Aeeee Cecília!! Adorei ver que sua nota foi alta para este filme. Verei esta semana com as expectativas super altas…

    Bjos!

Botão Voltar ao topo
Fechar