1 década 10 filmesEspecial

1 década 10 filmes: Ficção Científica

Agora que vocês já conhecem a brincadeira, hoje vamos falar de um gênero que conversa bastante com o nosso primeiro 1 década 10 filmes: a ficção científica. Aqueles filmes que estão conectados com novas tecnologias, experimentos científicos, médicos, robóticos, computacionais e temporais; além de tudo o que é conhecido como ficção especulativa, com profecias do futuro e da sociedade nesse futuro.

Das páginas de Jules Verne e H.G. Welles, dentre outros, muito material chegou aos cinemas ou plantou sementes que se transformaram em outros filmes. São muitos anos, com muitas criações. Desde o lendário Viagem à Lua, de George Méliès (de novo ele), inspirado em Verne, falou-se de tudo. De monstros reanimados a experiências mal sucedidas, de catástrofes naturais a crimes ambientais, de viagens interplanetárias a futuros distópicos, há para todos os gosto.

Há tanta coisa que foi terrível chegar a apenas um filme por ano. Se na década de 1920 a quantidade de filmes não era tão grande, isso muda logo na década seguinte, quando a produção aumenta significativamente e outros formatos aparecem, como as séries rápidas de Ford Beebe, Robert F. Hill e Saul A. Goodkind, entre outros, com adaptações de histórias em quadrinhos e que se mantêm por um bom tempo.

Os filmes, curtas e longas, ganham muita força, aumentando em número nos próximos anos, até chegar ao seu ponto alto, nos anos 1960 e na virada no final da década, com a tomada de grandes produções, com altíssimas bilheterias e a modificação do cinema em série para sempre.

1 década 10 filmes tenta fazer um panorama desse trajeto do gênero, incluindo longas que acho marcantes para cada uma dessas fases. É uma lista onde não estarão os mais amados – nem por mim e nem por vocês – e populares filmes de ficção científica mas que merecem ser descobertos ou redescobertos.

Antes que me xinguem, alguns filmes fundamentais foram lançados no mesmo ano em que outros de igual calibre e por isso não estão aqui. Franquias, como as de super-heróis ou interplanetárias, deram lugar a apenas um filme. E tem umas coisas estranhas no caminho, mas elas precisavam estar por aqui.

Vamos lá? Basta clicar nas páginas para ver os filmes de cada década.

Ficção científica nos anos 1920

1920: O Médico e o Monstro (Dr. Jekyll and Mr. Hyde), de John S. Robertson

1921: O Homem Mecânico (L’uomo meccanico), de André Deed

1922: The Man From Beyond, de Burton L. King

1923: Black Oxen, de Frank Lloyd

1924: L’inhumaine, de Marcel L’Herbier

1925: Ela (She), de Leander De Córdova e G.B. Samuelson

1926: Miss Mend, de Boris Barnet e Fyodor Otsep

1927: Metrópolis (Metropolis), de Fritz Lang

1928: Alraune, de Henrik Galeen

1929: A Mulher na Lua (Frau im Mond), de Fritz Lang

Anos 1930

1930: Fantasias de 1930 (Just Imagine), de David Butler

1931: Frankenstein, de James Whale

Ilhas das Almas Selvagens (Island of Lost Souls, de 1932)

1932: A Ilha das Almas Selvagens (Island of Lost Souls), de Erle C. Kenton

King Kong (1933)

1933: King Kong, de Merian C. Cooper e Ernest B. Schoedsack

Ouro (Gold), de 1934

1934: Ouro (Gold), de Karl Hartl

A Noiva de Frankenstein (The Bride of Frankenstein,1935)

1935: A Noiva do Frankenstein (The Bride of Frankenstein), de James Whale

Daqui a Cem Anos (Thints to Come, 1936)

1936: Daqui a 100 Anos (Things to Come), de William Cameron Menzies

Bila Nemoc (1937)

1937: Bílá nemoc, de Hugo Haas

Novaya Moskva (1938)

1938: The New Moscow (Novaya Moskva), de Aleksandr Medvedkin

Foto da ficção científica O Mundo Tremerá (Le monde tremblera, 1939)

1939: O Mundo Tremerá (Le monde tremblera), de Richard Pottier

1940

1940: A Ilha dos Ressuscitados (The Man with Nine Lives), de Nick Grinde

1941: Mysterious Island (Tainstvennyy ostrov), de Eduard Pentslin

1942: Agente Invisível Contra a Gestapo (Invisible Agent), de Edwin L. Marin

1943: The Fight Devil Dogs, de John English e William Witney (baseado no seriado de 1938)

1944: O Fabricante de Monstros (The Monster Make), de Sam Newfield

1945: L’invité de la onzième heure, de Maurice Cloche

1946: L’ennemi sans visage, de Robert-Paul Dagan e Maurice Cammage

1947: Que Mundo Tentador (Her Husband’s Affairs), de S. Sylvan Simon

1948: Der Herr vom andern Stern, de Heinz Hilpert

1949: The Perfect Woman, de Bernard Knowles

Anos 1950

1950: Destino à Lua (Destination Moon), de Irving Pichel

1951: O Dia Em Que a Terra Parou (The Day the Earth Stood Still), de Robert Wise

1952: Mandrágora (Alraune), de Arthur Maria Rabenalt

1953: A Guerra dos Mundos (The War of the Worlds), de Byron Haskin

1954: Godzilla (Gojira), de Ishiro Honda

1955: Viagem à Pré-História (Cesta do praveku), de Karel Zeman

1956: 1984, de Michael Anderson

1957: Road to the Stars (Doroga k zvezdan), de Pavel Klushantsev

1958: The Fabulous World of Jules Verne (Vynález zkázy), de Karel Zeman

1959: Viagem ao Centro da Terra (Journey to the Center of the Earth), de Henry Levin

Ficção Científica nos anos 1960

1960: A Primeira Espaçonave em Vênus (Der schweigende Stern), de Kurt Maetzig

1961: O Dia em que a Terra se Incendiou (The Day the Earth Caught Fire), de Val Guest

1962: Amphibian Man (Chelovek-Amfibiya), de Vladimir Chebotaryov e Gennadiy Kazanskiy

1963: Omicron, o Agente do Espaço (Omicron), de Ugo Gregoretti

1964: Dr. Fantástico (Dr. Strangelove or: How I Learned to Stop Worrying and Love the Bomb), de Stanley Kubrick

1965: Alphaville, de Jean-Luc Godard

1966: As Criaturas (Les créatures), de Agnès Varda

1967: Late August at the Hotel Ozone (Konec srpna v Hotelu Ozon), de Jan Schmidt

1968: 2001: Uma Odisseia no Espaço (2001: A Space Odyssey), de Stanley Kubrick

1969: Colpo di stato, de Luciano Salce

Anos 1970

1970: Colossus 1980 (Colossus: The Forbin Project), de Joseph Sargent

1971: Laranja Mecânica (A Clockwork Orange), de Stanley Kubrick

1972: Solaris (Solyaris), de Andrei Tarkovsky

1973: Ivan Vasilevich Muda de Profissão (Ivan Vasilevich menyaet professiyu), de Leonid Gaidai

1974: Il tempo dell’inizio (1974), de Luigi Di Gianni

1975: Rollerball: Os Gladiadores do Futuro (Rollerball), de Norman Jewison

1976: Fuga no Século 23 (Logan’s Run), de Michael Anderson

1977: Guerra nas Estrelas (Star Wars), de George Lucas

1978: Superman: O Filme (Superman), de Richard Donner

1979: Stalker, de Andrei Tarkovsky

Anos 1980

1980: Sun-Ra: A Joyful Noise, de Robert Mugge

1981: Scanners: Sua Mente Pode Destruir (Scanners), de David Cronenberg

1982: E.T.: O Extraterrestre (E.T. the Extra-Terrestrial), de Steven Spielberg

1983: Nascida em Chamas (Born in Flames), de Lizzie Borden

1984: Nausicaä do Vale do Vento (Kaze no tani no Naushika), de Hayao Miyazaki

1985: De Volta Para o Futuro (Back To The Future), de Robert Zemeckis

1986: Cartas de um Homem Morto (Pisma myortvogo cheloveka), de Konstantin Lopushanskiy

1987: Robocop: O Policial do Futuro (Robocop), de Paul Verhoeven

1988: Akira, de Katsuhiro Otomo

1989: Tetsuo, o Homem de Ferro (Tetsuo), de Shin’ya Tsukamoto

Ficção científica nos anos 1990

1990: O Vingador do Futuro (Total Recall), de Paul Verhoeven

1991: O Exterminador do Futuro 2: O Julgamento Final (Terminator 2: Judgment Day), de James Cameron

1992: O Destruidor (Split Second), de Tony Maylam

1993: Jurassic Park: O Parque dos Dinossauros (Jurassic Park), de Steven Spielberg

1994: Akkumulátor 1, de Jan Sverák

1995: Bem-vindo ao Terrordome (Welcome II the Terrordome), de Ngozi Onwurah

1996: Independence Day, de Roland Emmerich

1997: Preso na Escuridão (Abre los ojos), de Alejandro Amenábar

1998: O Show de Truman: O Show da Vida (The Truman Show), de Peter Weir

1999: Matrix (The Matrix), de Lana Wachowski e Lilly Wachowski

Anos 2000

2000: Batalha Real (Batoru rowaiaru), de Kinji Fukasaku

2001: Donnie Darko, de Richard Kelly

2002: Minority Report: A Nova Lei (Minority Report), de Steven Spielberg

2003: Acquaria, de Flavia Moraes

2004: Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças (Eternal Sunshine of the Spotless Mind), de Michel Gondry

2005: A Máquina, de João Falcão

2006: Filhos da Esperança (Children of Men), de Alfonso Cuarón

2007: Crimes Temporais (Los cronocrímenes), de Nacho Vigalondo

2008: WALL-E, de Andrew Stanton

2009: Distrito 9 (District 9), de Neill Blomkamp

A série 1 Década 10 Filmes é publicada sempre nas segundas quintas-feiras do mês.

Cecilia Barroso

Cecilia Barroso é jornalista cultural e crítica de cinema. Mãe do Digo e da Dani, essa tricolor das Laranjeiras convive desde muito cedo com a sétima arte, e tem influências, familiares ou não, dos mais diversos gêneros e escolas. Faz parte da Abraccine – Associação Brasileira de Críticos de Cinema e das Elviras – Coletivo de Mulheres Críticas de Cinema.
Botão Voltar ao topo