Crítica | FestivalMostra SPnotas

Pacarrete

(Pacarrete, BRA, 2019)
Drama
Direção: Allan Deberton
Elenco: Marcelia Cartaxo, João Miguel, Zezita Matos, Soia Lira, Samya De Lavor, Edneia Tutti, Débora Ingrid
Roteiro: Andre Araujo, Samuel Brasileiro, Allan Deberton , Natália Maia
Duração: 97 min.
Nota: 7 ★★★★★★★☆☆☆

Uma espécie de Macabéa mais velha e histriônica, a personagem interpretada por Marcélia Cartaxo no longa de Alain Deberton tem inspiração no mundo real e arrebatou os corações de público e júri no festival de Gramado.

Fato é que a fábula da senhora “afrancesada” que sonha em apresentar para a população da pequena Russas, no Ceará, um refinado espetáculo de dança, encanta ao mesmo tempo em que entedia. Ranzinza que só ela Pacarrete demora a despertar alguma empatia do lado de cá da tela – o mesmo não se pode dizer da doméstica Maria, que humaniza mais a história.

Com o passar da projeção, Marcélia mostra seu repertório como a grande atriz que é e dosa no tom acalorado. É quando repousa na melancolia que Pacarrete cria uma conexão singela, pena que o decurso seja mal orquestrado pelo diretor.

Ao final fica a sensação de que poderia ser uma dança mais harmônica e afinada com o colorido da alma da personagem. Ainda assim, guarda certa beleza amalucada.

Um Grande Momento:
Quando ela dança com suas sombras no palco, epílogo

Links

IMDb

[43ª Mostra de São Paulo]

Lorenna Montenegro

Lorenna Montenegro é crítica de cinema, roteirista, jornalista cultural e produtora de conteúdo. É uma Elvira, o Coletivo de Mulheres Críticas de Cinema e membro da Associação de Críticos de Cinema do Pará (ACCPA). Cursou Produção Audiovisual e ministra oficinas e cursos sobre crítica, história e estética do cinema.
Botão Voltar ao topo
Fechar