Crítica | Streaming

Shaun, o Carneiro: a fazenda contra-ataca

(A Shaun the Sheep Movie: Farmageddon, GBR, FRA, BEL, EUA, CHN, AUS, JAP, FIN, ALE, IRL, 2019)
Nota  
  • Gênero: Animação
  • Direção: Will Becher, Richard Phelan
  • Roteiro: Richard Starzak, Mark Burton, Jon Brown
  • Duração: 86 minutos

O stop motion é uma técnica artesanal de animação quadro a quadro que envolve a produção de milhares de fotografias para se obter um segundo animado surgida já nos primórdios do cinema, em 1898, com The Humpty Dumpty Circus, que utilizava objetos de madeira modelados por J. Stuart Blackton. Logo essa técnica, que deu inicio ao cinema de animação, seria popularizada por Arthur Melbourne-Cooper e aperfeiçoada, no final do século 20, por cineastas como Tim Burton e Wes Anderson e pelos estúdios Laika e Aardman, principalmente.

Criado por Peter Lord e David Spraxton, o Aardman Animation Studios é especializado em stop motion e ganhou renome no meio cinematográfico pelas mãos de Nick Park e seus personagens Wallace e Gromit, a galinha Ginger e suas companheiras (de A Fuga das Galinhas) e Shaun, o Carneiro. As animações do estúdio são conhecidas por serem feitas em claymation, espécie de “massinha de modelar” (que é na verdade uma mistura de plasticina ou silicone e pigmentos).

Shaun, o Carneiro: O Filme - A Fazenda Contra-Ataca

De volta à Mossy Bottom Farm, em Shaun, o Carneiro, o Filme: A Fazenda Contra-Ataca, progride como uma ficção fantástica sobre um visitante do espaço que veio parar no planeta Terra por engano e precisa voltar pra casa. Shaun, que continua sendo o Shaun sensível, inteligente e criativo junta seu rebanho e faz o possível para ajudar a pequena criatura.

Apoie o Cenas

Personagens clássicos da série e do filme lançado em 2015 estão na continuação e tem participações marcantes, como Timmy, a ovelhinha, e o cachorro Bitzer, além do fazendeiro abobalhado. A eles se somam a agente obcecada e seu robozinho assistente — inspirado em Wall-e até nos blips que usa pra se comunicar — que trabalham no ministério de detecção de alienígenas, além de hilários agentes vestidos com roupas amarelas, já utilizadas em filmes como A Chegada e ET, o Extraterrestre, que parecem ser de outra dimensão.

Falando no filme de Spielberg, suas obras talvez sejam as mais homenageadas pelo time de criadores da Aardman. Além da óbvia homenagem ao fofo alienígena perdido, sobram referências a Contatos Imediatos de Terceiro Grau e Guerra dos Mundos. E a agente inclusive tem um background semelhante ao do agente K de MIB – Homens de Preto, produzido pelo cineasta.

Shaun, o Carneiro: O Filme - A Fazenda Contra-Ataca

A Fazenda Contra-Ataca é, sem dúvidas, mais divertido que Wallace & Gromit – A Batalha dos Vegetais (ganhador do Oscar na categoria concorrendo com Castelo Animado e A Noiva Cadáver), até pela ingenuidade e engenhosidade de Shaun, que está próxima a de Baby, o porquinho atrapalhado — outro animal de fazenda carismático que se aventurou no cinema, mas em live action.

Animação produzida e distribuída pela Dreamworks, Shaun, o Carneiro, o Filme: A Fazenda Contra-Ataca fez parte da short list para o Oscar na categoria esse ano, porém caiu em meio a uma concorrência fortíssima — A Caminho da Lua, da Netflix; Dois Irmãos: Uma Jornada Fantástica da Disney; a produção magistral do Cartoon Saloon Wolfwalkers, que corre por fora, e Soul, da Pixar, favoritíssimo.

Um grande momento
As pazes com a infância

Lorenna Montenegro

Lorenna Montenegro é crítica de cinema, roteirista, jornalista cultural e produtora de conteúdo. É uma Elvira, o Coletivo de Mulheres Críticas de Cinema e membro da Associação de Críticos de Cinema do Pará (ACCPA). Cursou Produção Audiovisual e ministra oficinas e cursos sobre crítica, história e estética do cinema.
Botão Voltar ao topo