NotíciasOscar

Oscar 2021: Vencedores

Em uma cerimônia marcada pelas mudanças necessárias para garantir a segurança de seus convidados por conta da pandemia Covid-19, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas anunciou hoje os vencedores do Oscar 2021.

O ano atípico, com cinemas fechados e vários lançamentos adiados, apresentou uma lista de indicados sem tantos medalhões, vários lançamentos de streaming e bastante espaço para o cinema alternativo. Foi um ano com bastante representatividade e representação, inovações e surpresas. No formato e até mesmo nos premiados, mas algumas premiações, mesmo que históricas, eram esperadas e outras eram possíveis.

Pela segunda vez na história do Oscar, uma mulher foi premiada com a estatueta de Melhor Direção. Nascida na China, Chloé Zhao chamou a atenção com seu segundo longa-metragem, Domando o Destino. Agora com Nomadland mergulha nas entranhas da América profunda e questiona conceitos arraigados à sociedade capitalista. A produção levou pra casa o prêmio de Melhor Filme. Frances McDormand, em um trabalho impressionante, levou como melhor atriz.

Apoie o Cenas

Grandes performances foram reconhecidas, como foi o caso de Anthony Hopkins em O Pai, assim como toda a construção, destruição, reconstrução e abandono de atmosfera em O Som do Silêncio. O destaque a Bela Vingança, um dos mais interessantes retratos do que é enfrentar o machismo, com o prêmio de Melhor Roteiro Original também foi muito importante.

Confira a lista de vencedores abaixo:

Melhor filme

Nomadland

Outros indicados
Meu Pai
Judas e o Messias Negro
Mank
Minari: Em Busca da Felicidade
Bela Vingança
O Som do Silêncio
Os 7 de Chicago

Melhor direção

Chloé Zhao – Nomadland

Outros indicados
Thomas Vinterberg – Druk – Mais uma Rodada
David Fincher – Mank
Lee Isaac Chung – Minari: Em Busca da Felicidade
Emerald Fennell – Bela Vingança

Melhor roteiro original

Bela Vingança – Emerald Fennell

Outros indicados
Judas e o Messias Negro
Minari: Em Busca da Felicidade
O Som do Silêncio
Os 7 de Chicago

Melhor roteiro adaptado

Meu Pai – Christopher Hampton, Florian Zeller

Outros indicados
Borat: Fita de Cinema Seguinte
Nomadland
Uma Noite em Miami…
O Tigre Branco

Melhor atriz

Frances McDormand – Nomadland

Outras indicadas
Viola Davis – A Voz Suprema do Blues
Andra Day – Estados Unidos vs Billie Holiday
Vanessa Kirby – Pieces of a Woman
Carey Mulligan – Bela Vingança

Melhor ator

Anthony Hopkins – Meu Pai

Outros indicados
Riz Ahmed – O Som do Silêncio
Chadwick Boseman – A Voz Suprema do Blues
Gary Oldman – Mank
Steve Yeun – Minari: Em Busca da Felicidade

Melhor atriz coadjuvante

Yuh-Jung Youn – Minari: Em Busca da Felicidade

Outras indicadas
Maria Bakalova – Borat: Fita de Cinema Seguinte
Glenn Close – Era Uma vez um Sonho
Olivia Colman – Meu Pai
Amanda Seyfried – Mank

Melhor ator coadjuvante

Daniel Kaluuya – Judas e o Messias Negro

Outros indicados
Sacha Baron Cohen – Os 7 de Chicago
Leslie Odom Jr. – Uma Noite em Miami
Paul Raci – O Som do Silêncio
Lakeith Stanfield – Judas e o Messias Negro

Melhor fotografia

Mank – Erik Messerschmidt

Outros indicados
Judas e o Messias Negro
Relatos do Mundo
Nomadland
Os 7 de Chicago

Melhor design de produção

Mank – Donald Graham Burt, Jan Pascale

Outros indicados
Meu Pai
A Voz Suprema do Blues
Relatos do Mundo
Tenet

Melhor figurino

A Voz Suprema do Blues – Ann Roth

Outros indicados
Emma
Mank
Mulan
Pinóquio

Melhor maquiagem e cabelo

A Voz Suprema do Blues – Sergio Lopez-Rivera, Mia Neal, Jamika Wilson

Outros indicados
Emma
Era Uma vez um Sonho
Mank
Pinóquio

Melhor montagem

O Som do Silêncio – Mikkel E.G. Nielsen

Outros indicados
Meu Pai
Nomadland
Bela Vingança
Os 7 de Chicago

Melhor som

O Som do Silêncio – Nicolas Becker, Jaime Baksht, Michelle Couttolenc, Carlos Cortés Navarrete, Phillip Bladh

Outros indicados
Greyhound: Na Mira do Inimigo
Mank
Relatos do Mundo
Soul

Melhores efeitos visuais

Tenet – Andrew Jackson, David Lee, Andrew Lockley, Scott R. Fisher

Outros indicados
Amor e Monstros
O Céu da Meia-noite
Mulan
O Grande Ivan

Melhor trilha sonora

Soul – Trent Reznor, Atticus Ross, Jon Batiste

Destacamento Blood
Mank
Minari: Em Busca da Felicidade
Relatos do Mundo

Melhor canção original

“Fight for you”, de H.E.R., D’Mile, Tiara Thomas – Judas e o Messias Negro

Outras indicadas
“Hear my voice” – Os 7 de Chicago
“Husa’vik” – Festival Eurovision da Canção: A Saga de Sigrit e Lars
“Io sì” – Rosa e Momo
“Speak now” – Uma Noite em Miami…

Melhor filme internacional

Druk – Mais uma Rodada (Dinamarca)

Outros indicados
Better Days (Hong Kong)
Colectiv (Romênia)
O Homem Que Vendeu Sua Pele (Tunísia)
Quo vadis, Aida? (Bósnia e Herzegovina)

Melhor documentário

Professor Polvo

Outros indicados
Colectiv
Crip Camp: Revolução pela Inclusão
Agente Duplo
Time

Melhor animação

Soul

Outros indicados
Dois irmãos: Uma Jornada Fantástica
A Caminho da Lua
Shaun, o Carneiro: O Filme – A Fazenda Contra-ataca
Wolfwalkers

Melhor curta-metragem em animação

Se Algo Acontecer… Te Amo

Outros indicados
Burrow
Genius Loci
Opera
Yes People

Melhor curta-metragem em live action

Dois Estranhos

Outros indicados
Feeling Through
The Letter Room
The Present
White Eye

Melhor curta-metragem documental

Collete

Outros indicados
A Concerto is a Conversation
Do not Split
Hunger Ward
A Love Song for Natasha

Oscars

Redação

O Cenas de Cinema é um veículo informal e divertido que tem como principal objetivo divulgar a sétima arte, com críticas, notícias, listas e matérias especiais
Botão Voltar ao topo