Notícias

48º Festival de Gramado: Vencedores

Foram anunciados hoje os vencedores do 48º Festival de Cinema de Gramado. A cerimônia foi transmitida pelo Canal Brasil diretamente do Palácio dos Festivais, na cidade gaúcha. Por conta da pandemia de Covid-19, o evento teve que se adaptar e teve suas sessões transmitidas pela televisão para todo o Brasil e contou ainda com a programação do Gauchão e dos curtas-metragens no Canal Brasil Play.

Entre os premiados, destacaram-se os longas-metragens brasileiros King Kong en Asunción, grande vencedor da noite; Um Animal Amarelo e Aos Pedaços. Entre os curtas, o amazonense O Barco e o Rio foi o mais premiado, levando os Kikitos de melhor filme, direção, fotografia, direção de arte e o prêmio do Júri Popular.

A cobertura do 48º Festival de Gramado pode ser vista aqui.

Confira a lista completa:

O Barco -  Festival de Gramado

CURTA-METRAGEM

Melhor filme: O Barco e o Rio, de Bernardo Ale Abinader
Prêmio Especial do Júri: Preta Ferreira, por sua atuação em Receita de Caranguejo
Melhor direção: Eduardo Ale Abnader, por O Barco e o Rio
Melhor roteiro: Inabitável, de Matheus Farias e Enock Carvalho
Melhor atriz: Luciana Souza, por Inabitável
Melhor ator: Daniel Veiga, por Você Tem Olhos Tristes
Melhor fotografia: Valentina Ricardo, por O Barco e o Rio
Melhor direção de arte: Francisco Ricardo, por O Barco e o Rio
Melhor montagem: Ana Julia Travia, por Você Tem Olhos Tristes
Melhor desenho de som: Isadora Torres e Vinicius Prado Martins, por Receita de Caranguejo
Melhor trilha sonora: Hakaima Sadamitsu, por Atordoado, Eu Permaneço Atento
Júri Popular: O Barco e o Rio

El gran viaje al país pequeño - Festival de Gramado

LONGA-METRAGEM ESTRANGEIRO

Melhor filme: La frontera, de David David
Prêmio Especial do Júri: El gran viaje al país pequeño, de Mariana Viñoles
Melhor direção: Mariana Viñoles, por El gran viaje al país pequeño
Melhor roteiro: La frontera, de David David
Melhor atriz: Sheila Monterola e Daylin Vega Moreno, por La frontera
Melhor ator: Aníbal Ortiz, por Matar a un muerto
Melhor fotografia: Nicolas Trovato, por El silencio del cazador
Júri Popular: El gran viaje al país pequeño

King Kong en Asunción - Festival de Gramado

LONGA-METRAGEM BRASILEIRO

Melhor filme: King Kong en Asunción, de Camilo Cavalcante
Prêmio Especial do Júri: Elisa Lucinda, por sua atuação em Por Que Você Não Chora?
Melhor direção: Ruy Guerra, por Aos Pedaços
Melhor roteiro: Um Animal Amarelo, de Felipe Bragança
Melhor atriz: Isabel Zuaa, por Um Animal Amarelo
Melhor ator: Andrade Junior, por King Kong en Asunción
Menção honrosa: Higor Campanaro, por Um Animal Amarelo
Melhor atriz coadjuvante: Alaíde Costa, por Todos os Mortos
Melhor ator coadjuvante: Tomás Aquino, por Todos os Mortos
Melhor fotografia: Pablo Baião, por Aos Pedaços
Melhor direção de arte: Dina Salem Levy, por Um Animal Amarelo
Melhor montagem: Me Chama Que Eu Vou
Melhor desenho de som: Bernardo Uzeda, por Aos Pedaços
Melhor trilha sonora: Salloma Salomão, Gui Braz e Garbato Bros, por Todos os Mortos, e Shaman Herrera, por King Kong en Asunción
Prêmio do Público: King Kong en Asunción

Portuñol (2020) - Festival de Gramado

GAUCHÃO

Melhor longa-metragem: Portuñol, de Thais Fernandes
Melhor curta-metragem: Construção, de Leonardo da Rosa

PRÊMIO DA CRÍTICA

Melhor longa-metragem brasileiro: Um Animal Amarelo
Melhor longa-metragem estrangeiro: El gran viaje al país pequeño
Melhor curta-metragem: Inabitável

PRÊMIO CANAL BRASIL

Melhor curta-metragem: Inabitável

Redação

O Cenas de Cinema é um veículo informal e divertido que tem como principal objetivo divulgar a sétima arte, com críticas, notícias, listas e matérias especiais
Botão Voltar ao topo